Assinatura RSS

Arquivo da categoria: Tratamentos

Problema de Refluxo

Muito se ouve falar em criança e não pode comer certo alimento devido o refluxo. Num ato ingenuo, as pessoas acham um assunto até bobo e que é “frescura” da mãe querendo proteger demais o filho. O importante disso é qua não há nada de bobo nesse assunto e que deve ser encarado com seriedade.
 
O conceito dado pela wikipédia, a doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) consiste no refluxo de conteúdo alimentar presente no estômago para o esôfago, normalmente com pH ácido, embora possa ser também de conteúdo biliar, neste caso chamado refluxo alcalino. O refluxo, que contém material ácido, atinge a faringe e até boca, provocando, tal como napirose, ardor, queimação, mal estar e em casos extremos a morte.
 
O problema atinge principalmente as crianças, mas os adultos não são esquecidos. Cerca de 35 milhões de brasileiros, dentre crianças e adultos têm refluxo.

Sintomas do Refluxo

–        Azia, sensação de queimor retroesternal e epigástrica, que pode subir até à garganta
–       dor no precórdio, em queimação, simulando uma dor cardíaca, problemas respiratórios (asma, broncopneumonia) ou do orofaringe (tosse, pigarro ou rouquidão).
–        Dificuldade para engolir e dor torácica crônica, e ainda pode incluir tosse, rouquidão, altera, dor crônica no ouvido, dores agudas (pontadas) no tórax, nausea ou sinusite.
 

Tratamento

O problema do refluxo pode ser tratado. Os problemas mais leves são tratados com medicamentos antiácidos e melhoram seu esvaziamento. Já para os casos mais graves podem estar indicados a tratamento cirurgico.

Inimigo número 1 das mulheres

Todo mundo já sabe que nós mulheres temos um sério problema que nos acompanham diariamente, tentamos até resolver, mas aí nos damos conta que ele vai estar presente pelo resto das nossas vidas e que a situação só tende a piorar. Calma homens, não são de vocês que estou falando. Espero que nem tenha dado tempo de pensarem: “já vão falar de nós outra vez”, porque na verdade o problema é sério e pode ter certeza incomoda muito o corpo feminino.

O problema se chama CELULITE. Eu até apostaria que todos os meus leitores agora estão balançando a cabeça para cima e para baixo em sinal de “é verdade”.

A Celulite se caracteriza pelas ondulações da pela, deixando aqueles buraquinhos à mostra em formato de uma casca de laranja. Esse problema se dá devido a gordura localizada na pele. Está presente em 95% das mulheres, tanto nas magras como nas gordinhas.

A celulite aparece principalmente nas regiões dos glúteos, coxa, abdômen, nuca e braços. Ocorre principalmente por motivos genéticos, fatores hormonais, alimentação e sedentarismo.

De acordo com a Dermatologista Adriana Coelho, não são todos os tratamentos que aparecem na mídia que realmente combate a celulite. Por isso, devemos ter bastante cuidado com algumas propagandas enganosas. Os tratamentos mais eficazes são “adotar uma vida saudável com uma dieta sem gorduras, além das terapias com lasers, drenagem linfática, acupuntura, radio-frequência e infravermelho” disse Adriana.

Segundo o site de Copacabana Runners a mulher que deseja AMENIZAR ou evitar a celulite deve fazer uma dieta desintoxicante, incluindo muitas frutas frescas, verduras e legumes e deixando de tomar chá preto, mate, café e álcool.  Ela deve consumir clara de ovo, aves, peixes e carnes vermelhas magras como lagarto, filé mignon. Substituir frituras por preparações grelhadas, assadas ou cozidas;

Evitar ao máximo:

Feijoada, pizzas, molhos gordurosos, queijos gordos, pães e bolachas recheados, chantilly, biscoitos amanteigados, sorvetes.

Mulheres comecem desde já tomar suas devidas precauções, porque afinal o verão está chegando e já sabemos que é a época de usarmos poucas roupas deixando a mostra nossa inimiga número 1.

A modelo Daniela Sarahyba deixou a mostra suas celulites

Os tratamentos alérgicos

AlergiaEspirros, coriza, garganta irritada, dificuldade para respirar, dores de cabeça e muitos outros sintomas alérgicos atrapalham, e muito, o seu dia-a-dia, não é? Você sabia que as alergias afetam a sua qualidade de vida? Se não forem devidamente tratadas podem acabar trazendo sérios e diversos prejuízos, como a dificuldade de concentração, diminuição na capacidade de aprendizado, insônia, halitose e até mesmo problemas ortodônticos. Além de que elas podem te fazer sentir cansaço, indisposição e esgotamento.

Para buscar soluções, primeiramente é muito importante tentar identificar o que lhe causa alergia, perceber os primeiros sinais. A partir disso, é imprescindível consultar um médico especialista e buscar o tratamento adequado. Nada de tomar remédios por conta própria ou por indicação. E nem pense em ficar achando que tem “apenas um resfriado”, em alguns casos, porque o problema pode ir muito mais além. Até mesmo a apneia do sono, a asma, ou problemas de pele como eczema e urticária podem resultar da falta de tratamento de algumas alergias. Então, se não tomar o devido cuidado e tratamento com essas alergias, as consequências podem ser muito mais sérias do que se imagina.

Uma tentativa de acabar com esse problema, que incomoda a maioria das pessoas, é a realização de testes de alergia, com a devida indicação de um médico. São muitos os testes que temos hoje em dia. Os por escarificação ou puntura resultam na aplicação de gotas diluídas do alérgeno suspeito na pele da pessoa e permite testar vários tipos de alergia de uma só vez. Já os intradérmicos são mais precisos, mais sensíveis e uma pequena quantidade do alérgeno irritante é aplicada sob a pele do individuo. Há, também, os testes de contato, nos quais adesivos com os possíveis alérgenos são colocados nas costas do paciente. E os sanguíneos (RAST) que medem a quantidade de anticorpos IgE (hyperlink) produzida pelo corpo como resultado da exposição a um alérgeno. No desencadeamento alimentar controlado duplo-cego o paciente ingere cápsulas de gel, onde as proteínas dos alimentos são escondidas, para testar suas reações.

É bom lembrar que, apesar da grande efetividade dos testes, alguns deles podem apresentar resultados enganosos. É preciso interpretar esses resultados juntamente com o histórico da pessoa testada. Alguns dos testes de alergia questionáveis quanto a sua efetividade:

Teste citotóxico: é um teste caro e questionável, pois ele pode apresentar um resultado negativo se o alimento não foi ingerido recentemente, além da habilidade do técnico que o avalia poder interferir na precisão do teste.
Cinesiologia aplicada: resulta na análise do examinador quanto a resposta muscular do paciente. Ao colocar o alérgeno na mão do paciente se têm o resultado da alergia. O examinador consegue empurrar o braço da pessoa para baixo com pouca resistência se a pessoas for alérgica. Se não, o examinador terá grandes dificuldades de empurrá-lo para baixo.
Teste do pulso: Após expor o paciente a um alérgeno específico mede-se a frequência cardíaca do mesmo.
Teste de provocação-neutralização: são aplicadas doses crescentes de um alérgeno na língua da pessoa para analisar as reações. Posteriormente as mesmas são diminuídas, esperando-se o desaparcimento dos sintomas.

A única maneira de diminuir, por um tempo maior, a sensibilidade perante alérgenos é a imunoterapia ou vacinação antialérgica. A partir dela seu corpo se torna mais tolerante a esse alérgeno e, com isso, menos sintomas são apresentados. Pacientes com rinite têm uma melhora muito significativa através dessa interferência.

Portanto, para acabar com as suas suspeitas ou reais alergias, consulte um médico e procure o tratamento que seja mais adequado para as suas reações.

Melhorar a saúde com tratamento facial

A limpeza de pele é um cuidado feito com o rosto pela maioria das mulheres no mundo. Os homens, aos poucos, vão aderindo a ela. Se todos soubessem do seu beneficio, fariam com mais freqüência.

 Ela contribui para o desaparecimento de manchas, auxilia a retardar o envelhecimento da pele, hidrata e tonifica, bloqueia o aparecimento de cravos e espinhas e deixa a pele mais hidratada.

 São muitos os produtos no mundo para os cuidados com a pele, e entre eles, os preços são os mais variados também. Mas é possível realizá-la sem ter o trabalho de sair de casa.

 Em entrevista ao blog Saúde e Você, Silmara Ramos, 37 anos e Secretária, afirma ter visto os benéficos de uma limpeza de pele. ”Desde quando comecei o tratamento, a minha pele rejuvenesceu 80%. Faço na minha própria casa uma vez por semana”.

Por conta da falta de tempo na grande correia nos dias de hoje, muitas pessoas acabam deixando de se cuidar. Ás vezes, a ida em clínicas dermatológicas ocupa uma parte do tempo que poderíamos suprir em casa.

Em vista à essas necessidades de conciliar o tempo com o tratamento, o blog Saúde e Você entrevistou quatro mulheres na faixa dos cinqüenta anos, e foi unânime a linha de resposta. Todas relataram para o blog que não costumam cuidar da pela por conta dos afazeres no dia. Visando esse contratempo, sugerimos que elas usassem o tratamento de pele sugerido pelo blog e depois relatassem a mudança.

Para Maria Cecília, o tratamento foi benéfico. “Gostei muito da sugestão oferecida por vocês. É algo rápido e fácil de aplicar e minha pele ficou mais macia. Já Inês Huber afirma ter gostado do processo, porém relata não ter paciência de fazer a limpeza toda semana “ Senti uma mudança relativa, mas mesmo assim não faria sempre”. As outras duas entrevistadas (Maria de Lourdes e Adriana Basílio) optaram por continuar com o tratamento pelo resultado obtido.

Tratamento sugerido pelo blog :

– Lave o rosto com água e sabonete neutro, sem deixar excesso. Seque o rosto com uma tolha suave. Coloque em recipiente duas gemas de ovo, duas colheres de mel, uma colher de farinha de trigo e uma colher de iogurte sem sabor. Mexa bem e molhe a mistura em um pedaço de toalha ou algodão, passando por completo pelo rosto. Deixe agir por 20 minutos e retire a máscara com água abundante.